Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
Atibaia
CÂMARA MUNICIPAL DE ATIBAIA
  • Sebastião Batista Machado - PSL
  • Vereadores
    LEGISLATURA 2017-2020
    Presidente Atual
    Sebastião Batista Machado
Próxima Sessão

13ª Sessão Ordinária

30/04/2019 18:00 h

Data: 07/02/2019 Hora: 00:00:00
Daniel Martini comenta sobre a Defesa Civil em Atibaia na última sessão (5)
Vereador também pediu à Administração Municipal o desassoreamento de lagos e córregos do município
Webline Sistemas

O vereador Daniel da Rocha Martini (REDE), na última sessão da Câmara (5 de fevereiro), utilizou o momento Tem Livre para falar sobre as enchentes ocorridas em Atibaia nos últimos tempos e a atuação da Defesa Civil no município.

“Nós sabemos que Atibaia possui problemas estruturais de longa data quando o assunto é enchente, seja por falta de uma rede de escoamento de águas pluviais mais eficiente, seja, principalmente, por ocupações indevidas em áreas de risco, realizadas clandestinamente ou até mesmo autorizadas por gestões públicas irresponsáveis de décadas atrás. E o departamento que cuida das consequências imediatas das enchentes é a Defesa Civil, cujos desmantelamento e constantes mudanças de endereço venho criticando há tempos”, apontou.

Segundo Daniel, essa desorganização mostrou-se refletida também após a última enchente ocorrida no início de janeiro deste ano: “de acordo com relatos de vários munícipes, a população simplesmente não consegue contatar a Defesa Civil, nem nos dias de grande possibilidade de precipitação de chuva, a fim de que seja realizado algum trabalho preventivo que possa impedir ou minimizar os estragos ocorridos pelas enchentes”.

Para o vereador, tudo isso é consequência de uma falta de gestão mais eficiente do Executivo. “Há poucos recursos, poucos funcionários no departamento e que constantemente reclamam do governo porque são obrigados a mudarem a todo momento de prédio e porque há uma discordância até mesmo política entre as partes. Estes problemas devem ser sanados e a Defesa Civil tem que ser urgentemente reestruturada, para que esteja sempre apta a atender prontamente a população”, advertiu.

Desassoreamento de lagos

Daniel Martini também discorreu sobre a necessidade de desassorear os lagos de Atibaia. “Temos inúmeros córregos que cortam o município, como os córregos do Itapetinga, dos Pintos, do Figueira e do Onofre, e todos eles estão assoreados, sofrem transbordamentos em épocas de fortes chuvas, carecendo de limpeza. E justamente a Defesa Civil possui autorização legal para fazer esse tipo de manutenção sem necessidade de outorga do DAEE porque é classificada como uma obra preventiva, garantindo maior celeridade no desassoreamento. Os lagos da cidade, que estão localizados ao longo desses córregos, funcionam como 'piscinões naturais' e necessitam também de constante monitoramento. Portanto, é mais um problema relacionado diretamente à Defesa Civil que há anos prejudica nosso município e que precisa ser urgentemente corrigido”, concluiu.

Reportar erro

Data: 07-02-2019 00:00:00